Imagens da refinaria e a literatura fantástica de Borges, por Carlos Ferreira

"Um interlocutor do Político, de Platão, já descrevera uma regressão parecida: a dos Filhos da Terra ou Autóctones que, submetidos à influência de uma rotação inversa do cosmos, passaram da velhice à maturidade, da maturidade à infância, da infância ao desaparecimento e ao nada."
- Exame da obra de Herbert Quain





"Não me parece inverossímil que em alguma prateleira do universo haja um livro total; rogo aos deuses ignorados que um homem – um só, ainda que seja há mil anos! – o tenha examinado e lido. Se a honra e a sabedoria e a felicidade não são para mim, que sejam para os outros. Que o céu exista, embora meu lugar seja o inferno. Que eu seja ultrajado e aniquilado, mas que num instante, num ser, Tua enorme Biblioteca se justifique."
- A biblioteca de Babel





"Há um rouxinol e uma noite, há um duelo secreto num terraço. Há uma curiosa contradição, há pormenores sórdidos, quase totalmente imperceptíveis."
- Exame da obra de Herbert Quain







"No início, os sonhos eram caóticos; pouco depois foram de natureza dialética. O forasteiro sonhava consigo mesmo no centro de um anfiteatro circular que era de algum modo o templo incendiado: nuvens de alunos taciturnos exauriam a arquibancada; as caras dos últimos pendiam a muitos séculos de distância e a uma altura estelar, mas eram inteiramente precisas."
- As ruínas circulares





"Ébrio de insônia e de vertiginosa dialética, Nils Runeberg errou pelas ruas de Malmö, rogando aos gritos que lhe fosse concedida a graça de compartilhar com o Redentor o Inferno."
- Três versões de Judas"







"...avançou em meio aos eucaliptos de rotas folhas rígidas. Vista de perto, a casa da chácara abusava de inúteis simetrias e repetições obsessivas..."
- A morte e a bússola









"Logo refletiu que a realidade não costuma coincidir com as previsões; com lógica perversa inferiu que prever um detalhe circunstancial é impedir que este aconteça. Fiel a essa frágil mágica, inventava, para que não acontecessem, incidentes atrozes; naturalmente, acabou por temer que esses incidentes fossem proféticos."
- O milagre secreto





























"Os homens costumam inferir desse espelho que a Biblioteca não é infinita (se o fosse realmente, para que essa duplicação ilusória?); eu prefiro sonhar que as superfícies polidas figuram e prometem o infinito."
- A biblioteca de Babel





"A ordem inferior é um espelho da ordem superior; as formas da terra correspondem às formas do céu; as manchas da pele são um mapa das incorruptíveis constelações."
- Três versões de Judas





"Como todos os homens da biblioteca, viajei em minha mocidade; peregrinei em busca de um livro, talvez o catálogo dos catálogos; agora que meus olhos quase não podem decifrar o que escrevo, preparo-me para morrer há umas poucas léguas do hexágono onde nasci. Morto, não faltarão mãos piedosas que me atirem pela balaustrada; minha sepultura será o ar insondável, meu corpo afundará longamente e se corromperá e dissolverá no vento gerado pela queda, que é infinita. Eu afirmo que a Biblioteca é interminável"
- A biblioteca de Babel